terça-feira, 18 de setembro de 2007

"Mulher Nua Subindo a Escada"



As amonites, a espiral, o número.
A mulher busca o infinito interminável. Sobe os degraus da espiral
infinita, apesar de saber à partida que nunca chegará ao topo.
Mas subir é mais importante do que chegar.
Esta mulher nua e solitária emerge, como Vénus, transparente,
por entre a madrugada.
Dali, metafísico e irónico, fá-la erguer-se do limo primordial, qual
Afrodite distribuindo as riquezas terrenas, do mar aos céus, numa
eterna concha em espiral, que é a escada do seu destino.

8 comentários:

Teresa Durães disse...

hum.... A nossa Afrodite Grega e Venús Romana e o doido do Dali....

Dass eheheheh

isabel disse...

Combinação explosiva

"Subir é mais importante do que chegar". Sem dúvida. É nos trilhos que nos tornamos mais fortes.

Beijos Xana

Fernanda e Poemas disse...

Olá Xana, Obrigada pela tu visita, ao meu Cantinho, gostei muito do teu comemtário.
Quanto ao teu bolgue que também desconhecia, simplesmente adorei!
Cá voltarei.
Fiquei tua fã.

Beijinhos com sabor a mar.

Feernandinha

butterfly disse...

Gosto muito da maioria da obra de Dali.
Um dia, quando era miúda, escrevi que a vida era uma pirâmide erguida para o céu, construída com pedras de alegria. Devia ter uns onze anos. A ideia mantem-se, as pedras mudaram mas atingir o inantigível, com a consciência dessa impossibilidade, faz a diferença entre viver e sobreviver.
Atingir o cume, para mim , é o único objectivo.
Beijo

Xana disse...

Dali o seu sentido gosto pelos ambientes sobre-humanos, onde marca o épico, o místico e o erótico adorável obra.

A diferença entre viver e sobreviver...
Para mim viver é o único objectivo.

Beijo butterfly

soldier2701guil disse...

more diabo porra

soldier2701guil disse...

que lixo de bosta vai pro inferno suas putas

soldier2701guil disse...

morre diabo nada aver essa poa de estaua