quarta-feira, 11 de julho de 2007

Acima de tudo...

Que bom sentir... que a tua vontade
te empurra para os meus braços, quando o vento te guia!
receber-te-ei com eles abertos e...
fechá-los-ei em teu redor, em forma de protecção!
infinita vontade!

Não é a vida que passa por nós,
somos nós que passamos por ela.
É bom partilhar alguns momentos,
para além daquilo que se descobre
e dá a descobrir... ainda que seja
apenas com gemidos.

2 comentários:

Teresa Duraes disse...

porque o vento não se agarra... e todos somos uma corrente de ar...

Teresa Duraes disse...

bom...uns são um vendaval, já sei